Você já ouviu falar em Gatilhos Mentais? Este termo vem sendo bastante usado no mundo corporativo, especialmente no setor de Marketing, então se você se interessa pelo tema, já deve ter lido algo por aí.

A grande verdade é que, desde que sejam usados corretamente e com moderação, os Gatilhos Mentais podem sim trazer ótimos resultados para as empresas.

Neste artigo, vamos explicar para você o que são os Gatilhos Mentais, dar alguns exemplos de como eles funcionam e como você pode adotá-los na estratégia de Marketing de sua empresa com ética e segurança. Confira!

mind explosion.gif


O que são Gatilhos Mentais?


Para começar, é preciso dizer que os Gatilhos Mentais são ferramentas da Psicologia e por isso devem ser muito bem estudados e usados com cuidado no Marketing.

Nosso cérebro precisa tomar inúmeras decisões várias vezes ao dia, que vão desde coisas extremamente pequenas até decisões mais complexas, que exigem maior esforço mental.

Explicando de forma simples e resumida, os Gatilhos Mentais são artifícios que ajudam o nosso cérebro a ganhar agilidade. Ou seja, quando nos deparamos com situações parecidas, já sabemos como agir diante delas.

Sendo assim, podemos dizer que os Gatilhos Mentais vem de estímulos que nos despertam sensações e isso pode acontecer tanto por fatores biológicos quanto pelas memórias que temos de acordo com nossas experiências pessoais.


Quais são os Gatilhos Mentais?


Existem muitos tipos diferentes de Gatilhos Mentais e abaixo vamos dar alguns exemplos para que você entenda melhor. Veja!

mente.gif


Gatilho da Escassez

O gatilho da escassez é acionado quando a pessoa percebe que perdeu ou que pode perder determinada coisa.

Durante uma venda, por exemplo, ele é trabalhado quando o vendedor diz que existem poucos produtos no estoque e se o cliente não comprar logo, pode ficar sem.


Gatilho da Prova Social

A necessidade de fazer parte de grupos é inerente ao ser humano e isso faz com que o gatilho da prova social também seja muito eficiente.

Esse gatilho é acionado, por exemplo, quando vemos muitas pessoas usando um produto, frequentando um local, recomendando um serviço etc. Ou seja, ao ver que muitas pessoas estão consumindo o produto, logo pensamos que ele deve ser de boa qualidade e, assim, queremos experimentar também.

Algumas formas comuns de usar esse gatilho são por meio de depoimentos de clientes, número de vendas feitas, porcentagem de pessoas satisfeitas, dentre outras.


Gatilho da Urgência

O gatilho da urgência é parecido com o da escassez, mas nele o fator principal é o tempo. Ou seja, a pessoa tem determinado tempo para aproveitar a oferta, então precisa pensar rápido.

Esse gatilho funciona bastante, pois as pessoas não querem lidar com o arrependimento de não ter aproveitado a oportunidade e têm pouco tempo para pensar. Um exemplo de campanha que usa o gatilho da urgência é a Black Friday.


Gatilho da Novidade

Sabe quando você já tem um produto, mas a marca lança o mesmo produto, porém com novas funcionalidades ou design diferente e você morre de vontade de comprar? Isso acontece muito com smartphones e é o gatilho da novidade em ação.

Devido à grande concorrência, as empresas precisam sempre estar atentas e em contante pesquisa e desenvolvimento para oferecer novidade e inovação aos seus clientes e isso também precisa ser transmitido na comunicação e marketing da marca.


Como utilizar Gatilhos Mentais no Marketing?

Utilizar Gatilhos Mentais no Marketing é algo que exige planejamento e um bom conhecimento sobre o público em questão. Confira as formas mais comuns de aplicar os Gatilhos Mentais nas estratégias de Marketing das marcas!

tempo curto.gif


Crie campanhas e promoções

Uma maneira de usar os Gatilhos Mentais no Marketing da sua companhia é por meio de campanhas e promoções que despertem esses gatilhos no público.

Descontos, brindes, promoções que têm dia e hora para acabar, são exemplos que funcionam bem.


Use os Gatilhos Mentais nos títulos e mensagens

Se você já trabalha com marketing de conteúdo e marketing de relacionamento, sabe que os títulos e as mensagens curtas têm um grande poder de captar a atenção do seu cliente, certo?

Tente usar os gatilhos mentais para fazer com que o cliente abra os e-mails e SMS’s e clique nos links (mas sem apelar!) e aproveite a atenção dele para cativá-lo, entregando um conteúdo de valor.


Seja honesto e transparente

Os Gatilhos Mentais podem ser extremamente eficientes em uma campanha de Marketing ou Publicidade, por exemplo, mas se sua marca não entregar o prometido, seu esforço com certeza será em vão.

Tome muito cuidado para não confundir persuasão com manipulação, portanto, use os gatilhos mentais com moderação e deixe sempre que o cliente decida o que é melhor para ele.

Além disso, nunca crie promoções com descontos falsos ou prazos inventados, para que sua marca e suas ações não percam a credibilidade diante do público.

Gostou de saber mais sobre os Gatilhos Mentais e como utilizá-los em suas estratégias de Marketing? Siga nossas páginas nas redes sociais (Facebook, Instagram, Linkedin) para acompanhar mais publicações como essa!